segunda-feira, 23 de maio de 2016

Moçambique: Agressores do comentarista Mucuane disseram que foram mandados para dar-lhe uma lição

Revelação feita por familiares do comentarista critico ao governo de Maputo.

Fontes familiares de José Mucuane dizem que o académico e comentarista de televisão revelou que os homens que o agrediram, hoje, 23, disseram que foram mandados para lhe dar uma lição.
Mucuane foi sequestrado e agredido, hoje, em Maputo, por desconhecidos, que atiraram contra as suas pernas. Atingindo as suas pernas, os agressores tinham a intenção de criar uma deficiência permanente, disseram os familiares.
Colegas e amigos afirmam que tal é sinal de que o acto tem ligação com as suas análises nos programas televisivos, em relação à questões como o diálogo político, crise da divida pública, e a recente proibição da manifestação em repudio à essa situação pelas autoridades de Maputo.
A VOA soube que Macuane foi sequestrado na manha de hoje, em Maputo, no bairro da Coop, tendo sido encontrado na zona de Marracuene, pelo menos 20 quilómetros do local.
Forçado a abandonar a sua viatura, foi transportado na dos agressores indivíduos não identificados, que terão ficado com o seu telefone. Voz da América

Sem comentários:

Enviar um comentário